Relatório da Missão Ripes – Moçambique

Realizou-se, nesta capital, missão no âmbito do projeto “Rede de Instituições Públicas de Educação Superior (RIPES) para a Cooperação na Comunidade para os Países de Língua Portuguesa (CPLP)”, no período de 14 a 18 de outubro. O referido projeto é executado no âmbito da cooperação técnica internacional entre Brasil e CPLP. A delegação foi composta por representantes da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), as Senhoras Nilma Lino Gomes, Reitora, e Maria do Socorro Moura Rufino, Pró-Reitora de Relações Institucionais, e representante da Agência Brasileira de Cooperação (ABC), Mariana Horta Vieira de Miranda.

A missão teve como objetivo estabelecer contato com as instituições que possivelmente integrarão a Ripes. Nesse sentido, foram apresentados aos parceiros detalhes sobre o projeto de cooperação, como seus principais pilares de atuação (sistema de mobilidade de estudantes e profissionais, centros de educação a distancia, estado da arte da educação superior nos PALOPS e Timor Leste, estratégia de comunicação social e científica entre os parceiros, e estratégia de financiamento em longo prazo); apresentou-se proposta de termo de adesão/parceria com as universidades públicas moçambicanas; e divulgou, aos parceiros, o Seminário Internacional da RIPES, que terá lugar, possivelmente, em abril de 2014. Ressalte-se que a UNILAB encaminhou ofício às instituições moçambicanas a fim de agendar as reuniões que constituíram a agenda oficial da missão e enviou o documento de projeto supramencionado, assim como, termo de adesão à RIPES. Tal articulação foi reforçada com auxílio do Sr. Jorge Ferrão, Reitor da Universidade Lúrio (UNILÚRIO) e Presidente da Associação das Universidades de Língua Portuguesa (AULP).

Na manhã dia 14 de outubro, a delegação reuniu-se com o Reitor da Universidade Eduardo Mondlane (UEM), Sr. Orlando Quilambo e o Diretor de Cooperação, Sr. Carlos Lucas. Na ocasião, apresentou-se o projeto Ripes, assim como os pilares da rede, a proposta de Seminário Internacional da Rede e a possibilidade de custeio por parte da UNILAB para a participação de duas pessoas da UEM. Ademais, ressaltou-se o papel de complementaridade entre a Ripes e a AULP. O Sr. Orlando ponderou que o futuro envolve integração e enalteceu a parceria da RIPES/UNILAB com o Sr. Jorge Ferrão (AULP). Por fim, o esclareceu que indicará o Diretor de Cooperação como ponto focal e encaminhará, posteriormente, o termo de adesão assinado à UNILAB.

Rogério Uthui (Reitor), Nilma Lino Gomes (Reitora), Maria Socorro Moura Rufino (Pró-reitora de Relações Institucionais), Mariana Horta
Visita à Universidade Pedagógica. Na foto: Prof. Dr.Rogério Uthui (Reitor) e Equipe Pedagógica, Prof.ª Dra. Nilma Lino Gomes (Reitora Unilab), Prof.ª Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais Unilab) e Mariana Horta (ABC/MRE).

Ainda na manhã do mesmo dia, foi realizada reunião na Universidade Pedagógica (UP). Participaram do encontro com a delegação brasileira o Sr. Rogério Uthuí, Reitor da UP, Sr. José Castiano, Pró-Reitor de Pós Graduação, a Diretora de Relações Institucionais, Sr. Eliseu Severino, Diretor de Comunicação. No encontro, o Sr. Rogério apresentou histórico dos resultados positivos observados pela UP em cooperações técnicas desenvolvidas com o Brasil (e.g. PUC-SP, MEC, dentre outros). A Sra. Nilma comentou sobre a realização de processo seletivo que teria lugar no dia 16/10, em Maputo, para preenchimento de vagas de alunos estrangeiros para a graduação da UNILAB, e mencionou os principais entraves encontrados na divulgação e capilarização das informações em Moçambique. O Reitor da UP colocou a universidade à disposição da UNILAB para auxiliar no processo seletivo, tendo em vista que é a única universidade do país a ter delegações em todas as províncias. Ademais, a Reitora da UNILAB apresentou o Projeto da Ripes, esclarecendo os mesmos pontos apresentados na reunião com o Reitor da UEM. O Termo de Adesão foi assinado durante a reunião, entretanto, como era necessária a inserção de informações adicionais, a UP encaminhará, oportunamente, à UNILAB o documento preenchido.

Zambeze - Bhangy Cassy (Reitor), Nilma Lino Gomes (Reitora), Maria Socorro Moura Rufino (Proinst), Mariana Horta
Visita à Universidade Zambeze. Na foto, o Prof. Dr. Bhangy Cassy (Reitor), Prof.ª Dra. Nilma Lino Gomes (Reitora Unilab), Prof.ª Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-reitora de Relações Institucionais Unilab) e Mariana Horta (ABC/MRE).

Na tarde do dia 14 de outubro, a Reitora da UNILAB manteve conversa informal com o Sr. Bhangy Cassy, Ex-Reitor da Universidade Zambese, que se encontra em processo de desligamento. Na ocasião, apresentou-se o projeto da Ripes e verificou-se a possibilidade de visita à universidade. O Sr. Bhangy avaliou que, tendo em vista o exíguo prazo de agenda da Reitora e o processo de mudança de gestão da UNIZAMBESE, não seria adequada à realização da visita nesse momento.

Na mesma tarde, a delegação realizou visita a este posto, com vistas a apresentar seus integrantes e os objetivos da missão. Mencionou-se, ainda, a realização do processo seletivo da UNILAB que é realizado no Centro Cultural Brasil-Moçambique (CCBM), vinculado a esta Embaixada. A Reitora Nilma informou que acompanharia, juntamente com a Pró-Reitora, a aplicação da prova no dia 16 de outubro, com o intuito de aprimorar tal processo.

Universidade Eduardo Mondlane – Centro de Estudos Africanos, Armindo Ngunga (Diretor do Centro de Estudos Africanos), Nilma Lino Gomes (Reitora), Maria Socorro Moura Rufino (Proinst)
Visita ao Centro de Estudos Africanos da Universidade Eduardo Mondlane – Prof. Dr. Armindo Ngunga (Diretor do Centro de Estudos Africanos) e equipe, Prof.ª Dra. Nilma Lino Gomes (Reitora Unilab), Prof.ª Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais da Unilab) e Mariana Horta (ABC/MRE).
Lígia Maria Scherer, Nilma Lino Gomes (Reitora), Maria Socorro Moura Rufino (Pró-reitora de Relações Institucionais)
Durante a missão, a Profª. Drª. Nilma Lino Gomes (Reitora da Unilab) e a Profª. Drª. Maria do Socorro Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais da Unilab) realizaram visita de cortesia à Embaixada do Brasil em Moçambique, quando encontraram a embaixadora Lígia Maria Scherer.

Na manhã do dia 15 de outubro, a delegação seguiu para visita ao Centro de Estudos Africanos (CEA) da Universidade Eduardo Mondlane. Além de conhecer a estrutura do centro, a delegação manteve reunião com seu Diretor, Sr. Armindo Ngunga, o Diretor-Adjunto, Sr. Carlos Arnaldo, e a Diretora-Adjunta para Cooperação, Sra. Ana Monteiro, na qual foi apresentado o projeto da Ripes, seus objetivos e principais características, custeio da participação no Seminário Internacional da Ripes de dois representantes da UEM, além de possibilidade de parceria científica entre as duas instituições. A equipe do CEA apresentou a história do centro e indicou possíveis linhas de pesquisa nas quais as instituições poderiam se associar. Ademais, aventou-se que a parceria entre o CEA e o Brasil poderia se dar, ainda, na troca de experiências para a criação de centros de estudos africanos no Brasil.

Universidade Pedagógica - Centro de Estudos Moçambicanos e Etno-Ciência, Emília Afonso (Diretora), Nilma Lino Gomes (Reitora), Maria Socorro Moura Rufino (Proinst), Mariana Horta (ABC)
Visita ao Centro de Estudos Moçambicanos e Etno-Ciência da Universidade Pedagógica. Na foto, a Prof.ª Dra. Emília Afonso (Diretora) e sua equipe, a Prof.ª Dra. Nilma Lino Gomes (Reitora Unilab), a Prof.ª Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais da Unilab) e Mariana Horta (ABC/MRE).

Durante o período vespertino do mesmo dia, a delegação visitou o Centro de Estudos Moçambicanos e de Etno-Ciência (CEMEC) da Universidade Pedagógica. As atividades do CEMEC foram apresentadas pela Sra. Emilia Nhalevilo, Diretora do Centro. Na referida apresentação, indicou-se as principais atividades e projetos de pesquisa desenvolvidos pelo Centro (Projeto Bilíngue, Pesca, HIV, Multicultura e formação de professores, Escrita Popular, dentre outros). A Reitora Nilma falou sobre a UNILAB, sobre as áreas de atuação da universidade, apresentou o projeto da Ripes e discutiu possíveis parcerias que poderiam ser desenvolvidas.

Ministério da Educação- Dr. Arlindo Chilundo (Vice-ministro da Educação), Nilma Lino Gomes (Reitora), Maria Socorro Moura Rufino (Proinst), Mariana Horta (ABC)
Visita ao Ministério da Educação e reunião com o Dr. Arlindo Chilundo (Vice-ministro da Educação de Moçambique. também na foto a Profª. Dra. Nilma Lino Gomes (Reitora), a Profª. Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais), e Mariana Horta (ABC/MRE).

O dia 16 de outubro foi marcado por visita ao Vice- Ministro da Educação, Sr. Arlindo Chilundo. O Vice-Ministro apresentou panorama da educação superior no país, indicando o número de estudantes, os processos de estruturação dos currículos e de matrícula, o perfil de internacionalização de algumas universidades públicas, e os procedimentos para concessão de bolsas de estudo. Mencionou, ainda, a cerimônia de formatura dos primeiros licenciados em Engenharia Florestal e Desenvolvimento Rural da Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade Lúrio, que aconteceria no dia seguinte e contaria com a participação do Presidente de Moçambique, Sr. Armando Guebuza. A Reitora da UNILAB apresentou o projeto da Ripes, indicou que seria importante a parceria com o Ministério da Educação de Moçambique e as demais instituições de ensino do país. Ademais, mencionou a baixa participação dos alunos moçambicanos no processo seletivo para a graduação na UNILAB e a possibilidade de alteração no processo de divulgação da seleção da universidade com vistas a aumentar a adesão dos moçambicanos. O Vice-Ministro Chilundo colocou o governo a disposição para assinar o termo de adesão da Ripes e agradeceu à UNILAB por contribuir com a formação de estudantes moçambicanos.

Após reunião com o Vice-Ministro de Educação, a delegação recebeu visita informal do Sr. Oreste Preti, coordenador da Universidade Aberta do Brasil (UAB) em Moçambique, onde se falou dos problemas e desafios enfrentados para a implementação do projeto no país. A Reitora indicou que, como haverá missão oficial em novembro para tratar dos assuntos afetos à UAB, seria indicado que tais problemas e desafios fossem tratados na ocasião.

Na tarde do dia 16 de outubro, a delegação acompanhou a aplicação de provas do processo seletivo da UNILAB no Centro Cultural Brasil-Moçambique (CCBM). Na ocasião, a delegação discutiu o processo de divulgação da seleção como ponto focal do CCBM (as principais dificuldades dos alunos para acesso às informações e ao local da prova, dentre outros). Apontou-se como principal dificuldade de acesso às informações, os mecanismos de divulgação da seleção. Atualmente, o processo é divulgado no site do CCBM, em jornal de grande circulação e em instituições de ensino localizadas, principalmente, em Maputo. Após aplicação da prova, as representantes da UNILAB entrevistaram seis candidatos, a fim de colher informações sobre o processo seletivo e seus entraves. A maior parte dos alunos apontou que o conhecimento da seleção se deu “boca-a-boca”. Apenas um deles teve acesso às informações na internet. Os candidatos apontaram também como entrave, o deslocamento à Maputo. Alguns tiveram que viajar por quatro dias para chegar ao local de aplicação da prova. Sugeriram que a seleção fosse divulgada pelo rádio, por ser um meio de comunicação de mais fácil acesso no país. Ao final das entrevistas, a delegação se reuniu com diplomata deste posto, o Secretário Bruno Neves, para relatar os principais acontecimentos e resultados da missão até o momento, tendo em vista que a Reitora viajaria no dia seguinte e não se teria outra oportunidade para reunião com a Embaixada estando presente toda a delegação.

No dia 17/10, a Sra. Nilma Gomes viajou para Niassa para acompanhar cerimônia de formatura da UNILURIO, a convite do Reitor da universidade, Sr. Jorge Ferrão. Após a chegada, a Reitora participou de visita guiada com o Vice-Reitor da Universidade de Macau à cidade de Lichinga e ao campus da UNILURIO. No dia seguinte, realizou-se a cerimônia de colação de grau dos formandos em Engenharia Florestal da Unilurio (Campus de Wanaangu). Em seguida, a Reitora foi apresentada ao Presidente da República de Moçambique, Sr. Guebuza, ao Ministro da Educação de Moçambique, Sr. Augusto Jone Luís, e às demais autoridades presentes no evento. Em reunião com o Reitor da UNILURIO, a Sra. Nilma apresentou o Projeto Ripes e assinou acordo de cooperação entre as duas universidades. Após a reunião, houve visita guiada às demais dependências da universidade.

FAO - Castro Paulino Camarada (FAO Moçambique) e Maria Socorro Moura Rufino (Pró-reitora de Relações Institucionais)
A a Prof.ª Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais da Unilab) reuniu-se com o Dr. Castro Paulino Camarada (Representante da FAO em Moçambique).

As demais integrantes da delegação permaneceram em Maputo para dar seguimento a outras visitas da missão. No período da tarde do dia 17 de outubro, a Pró-Reitora visitou o escritório da FAO em Maputo para discutir possível parceria entre a UNILAB e o Organismo para ações não vinculadas ao projeto da Ripes.

Embrapa - Dr. José Luiz Bellini Leite (Embrapa Moçambique) e Maria Socorro Moura Rufino (Proinst)
A Profª. Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-reitora de Relações Institucionais). em reunião com o Dr. José Luiz Bellini Leite (Coordenador Geral da Embrapa – Programa Moçambique).

Na manhã do dia 18 de outubro, a Pró-Reitora visitou as instalações da Embrapa em Maputo e prospectou, com representantes daquela instituição, ações que poderiam ser desenvolvidas em parceria, fora do escopo da iniciativa no âmbito da CPLP.

à direita - Diretor em exercício do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Moçambique - Santos Alvaro e Equipe, Maria Socorro Moura Rufino (Proinst), ABC Mariana Horta.
Na foto, o Diretor em exercício do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Moçambique, Dr. Santos Alvaro (à direita) e equipe, ladeando a Prof.ª Dra. Maria Socorro Moura Rufino (Pró-Reitora de Relações Institucionais da Unilab) e Mariana Horta (ABC/MRE).

Ainda na manhã do dia 18/10, a Pró-Reitora e a técnica da ABC tiveram reunião com o Sr. Santos Álvaro, Diretor para os Assuntos da América, do Ministério dos Negócios Exteriores e Cooperação (MINEC). Participaram ainda, o diplomata deste posto, o Secretário Bruno Neves, o Sr. Martins Kumanga, Chefe de Departamento da Divisão de Organizações Internacionais e Conferências (DOIC), e o Sr. Vitorino, assistente da DOIC. A reunião teve como objetivo informar o Ministério sobre a missão do projeto Ripes, executado no âmbito da CPLP, cujo acompanhamento em Moçambique é feito pela DOIC. Na oportunidade, apresentou-se a UNILAB, o projeto Ripes, bem como se discutiu o processo seletivo de candidatos estrangeiros da universidade. O Diretor enalteceu as relações entre os dois países, falou das ações de cooperação (atualmente em andamento) com o Brasil e expressou especial interesse na participação de alunos moçambicanos na graduação da UNILAB nas áreas agrárias. O Sr. Álvaro sugeriu que a ABC avaliasse a possibilidade de inclusão de componente de capacitação dos jovens estudantes moçambicanos no projeto já em execução, Pró-Savana. O Diretor sugeriu, ainda, que em próxima visita da UNILAB a Moçambique, a delegação realizasse visita ao Instituto de Bolsas, vinculado ao Ministério da Educação, para que se verificasse a possibilidade de concessão de bolsas para auxiliar a ida dos alunos moçambicanos à UNILAB. Ademais, colocou o MINEC à disposição para desenvolver, ainda mais, a cooperação com o Brasil.

(Até o momento, houve 718 acesso(s) a esta página)